DIFICULDADES

Para as crianças

Os maiores problemas causados pela infestação de piolhos nas crianças e jovens são:

- Ficam irritados;

- O rendimento na escola fica comprometido;

- O sono e a capacidade em se concentrar ficam prejudicados;

- O preconceito de outras crianças (ou mesmo adultos) gera desconforto, vergonha, raiva, isolamento e segregação;

- Possíveis anemias e infecções secundárias (muito raramente);

O problema da ocultação: Com vergonha dos colegas, muitas vezes as crianças e jovens escondem que estão com piolhos e acabam todos prejudicados, pois estando infestados, fica transmitindo o parasita para as demais crianças.


Para os adultos

Piolho


Os adultos costumam ter horror (quase irracional) aos piolhos, como se fossem tão nojentos como as baratas ou os ratos. É uma pena, pois isso não tem o menor sentido, e acaba prejudicando muito o enfrentamento do problema. Seu drama é:

* Babás, professores e diretores têm medo das reações, por parte dos pais, ao contar que seus filhos estão com piolhos (e ocultam a parasitose);

* Pais, professores e adultos em geral, morrem de medo de ficarem infestados, ao lidarem com crianças infestadas.

Então, na maioria das vezes os professores identificam facilmente as crianças que estão com piolhos, mas não avisam os pais, por medo da reação que isso pode causar. E por seu lado, alguns pais, podem ficar irritados, achando que o professor está sugerindo falta de higiene com a criança. E nada disso procede!

Chato

Os maiores problemas causados por uma infestação de Chatos são:

* Irritação devido a forte coceira,

* Possível causa de infecções secundárias de pele;

* Vergonha de consultar um médico;

O problema das infecções de pele vem da demora das pessoas em perceber a infestação e procurar um médico ou tomar alguma medida. E a infestação aumenta e a irritação piora na região do corpo atingida. Além disso, aumenta o risco dessa pessoa transmitir para outros, tanto na relação sexual como por meio de roupas, toalhas, etc.

   
   

O Piolho | Sintomas | Dificuldades | Prevenção | Tratamento | Artigos Técnicos
Material Educativo | Fotos e Figuras | Dúvidas